José Tadeu Alves
Arte é movimento, sua alma está em chama, então você cria...
Capa Textos Áudios Fotos Perfil Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
O melhor que tenho,
não me pertence!

O amanhecer...
o sol...
o entardecer!
A lua,
o vento...
a noite...
as estrelas...
a rua...
o ar...
os pássaros,
as frutas...
o tempo...
as árvores...
os rios...
o mar...
os abraços
as palavras...
os beijos...
as flores...
os abrigos...
os sorrisos...
os sabores...
 os sonhos...
os filhos,
os irmãos e
os amigos...

Tudo é meu, quando posso guardar!

Em algum lugar que seja meu!
Sou guardião de tudo que tenho comigo!
Dono, não sou!
Mas sei o que levarei!
A saudade...
a vontade e
o amor!

Tudo que tem valor em sentimento,
em meu abrigo guardarei!
Não despreze...
não maltrate...
não possuas inimigos!
Seja tudo o que for preciso...
Mas, sobretudo, o melhor em si...
Dê o melhor de si,
Só isso.

Tudo é meu,
quando posso guardar!
José Tadeu Alves
Enviado por José Tadeu Alves em 06/04/2016
Alterado em 23/01/2019
Comentários